Nem New

em sábado, 1 de janeiro de 2011

DSC_0509

Nem o tédio. Nem o cansaço. Nem o medo.
Nessa novo ano, que não é uma nova fase, mas só a repetição dos mesmos doze meses que sempre existiram – talvez porque quem os inventou não estivesse inspirado o bastante para criar mais nomes e mais meses atrativos, eu não quero isso.
Eu quero uma canção. Uma saudade. Um riso. Uma vergonha. Um drama. Um ciúme. Uma briga. Uma fofoca e uma intriga. Um olhar torto. Uma encarada. Um tapa. Uma surpresa. Um choro. Vários choros. Um abraço... Seu. Uma lembrança e motivos para lembrar.
Uma chama que nem o tempo apazigue.
Nem a distância. Nem a falta. Nem o vazio.

Rafael M. Watanabe

2 comentários:

Zé Abrão disse...

pois é, agora a gente tem mais doze meses pra ficar na fossa.

Vi disse...

não sei o que é melhor: a foto ou seu texto! haha


é claro que é o texto né.
espero que tenha um (ano) new new de verdade.

:)

Postar um comentário

Não se acanhe, e procure ser legível. =)