Culpa.

em terça-feira, 29 de março de 2011

DSC_4482

Eu tenho a maior dor do mundo dentro de mim.
Ela não tem rima. E nenhum verso.
E no menor vazio ela se faz gigantesca.
Talvez a perda.
Talvez a falta.
Mas que é certo daquilo que não se têm.

Eu tenho a maior dor do mundo dentro de mim.
Maior porque é única. Porque é minha.
E nenhum verso. Nenhum sorriso.
Vai mudar isso.

Rafael M. Watanabe

7 comentários:

Gilmar Jr. disse...

Agora é minha vez de falar o que sempre me dizem:

É lindo, mas é triste.

VerMent* disse...

Caray! Me indignei. Gostei de até indignar-me. Obrigada!

luma disse...

eu gosto!

luma disse...

agora, já que vc tem qualidade, gostaria de te pedir: quantidade!

Rafael Watanabe disse...

Vou me esforçar muito pra resolver isso. Prometo.
E obrigado pela atenção e pelas palavras, Luma x)
Em 2012 eu vou torcer por um pouco de tempo, também, pra voltar a ler bastante os outros blogs.

Paloma Dias disse...

tudo lindo aqui (: estou seguindo!

Bruna Braga disse...

Estava travando uma busca dos blogs eu curtia na adolescência, maior prazer encontrar o seu. O meu, infelizmente, hospedei no zip.net. Parece que naquela época ninguém imaginava que os blogs da uol não seria assim tão popular no futuro, rs. Espero que continue escrevendo. Grande abraço.

Postar um comentário

Não se acanhe, e procure ser legível. =)